Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Silver Wing

She flies with her own wings...

#5 Desafio palavras [quase] perfeitas » Esperança

Ontem foi a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra.A palavra do mês de Maio foi Esperança. 

 

A vida acabará por te mostrar o teu caminho...

 

Dizem que a esperança é sempre a última que morrer... há dias que vale a pena pensar que sim, mas há outros dias que mais vale ser realista, e conseguir ver que a esperança só faz sentido quando nos coloca no caminho certo.

 

Quantas vezes já passámos por situações que nos colocam no nosso limite? Quantas vezes já desistimos de algo que nos vai fazer feliz? Quantas vezes deixámos de acreditar em nós? Quantas vezes já perdemos a nossa esperança? E quantas vezes já deveríamos ter deixado a esperança de lado e partir para outro caminho? Estas são questões que me coloco a mim mesma sempre que a vida decide me colocar desafios, e cujas respostas não são imediatas, podem demorar segundos, como anos... O que hoje pode ser uma esperança para mim, amanhã poderá não fazer qualquer sentido. É a vida a mostrar-me que tenho de ser suficientemente forte e ágil para me adaptar as estas adversidades. É a vida a mostrar-me que o caminho é outro e que a minha perspetiva terá mesmo que mudar. 

 

Para mim a esperança só acabará apenas quando o tempo chegar ao fim, quando a vida terminar! Até lá, vou cair muitas vezes, vou-me levantar cada vez mais forte, mas seguirei sempre em frente. Vai haver muitos dias que nem terei força para pensar sequer em ter qualquer esperança, como haverá muitos outros dias que agarrar-me-ei a tudo o que me dê força e energia... A incerteza da vida é que vai guiando o meu caminho! E que sempre assim seja...  

 

 

Agarra a vida, pois esta é a única que tens!

#esperança

 

#4 Desafio palavras [quase] perfeitas » Liberdade

Hoje é a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. No mês de Janeiro a palavra foi "Acreditar", em Fevereiro surgiu a palavra "Magia",  em Março Melancolia. Abril, surge a palavra Liberdade ♥

 

hipster-mum-102826

imagem Unsplash

 

 

Estás a ver este balão? Imagina tudo aquilo que tens em mente guardado dentro daquele balão... as preocupações, os sentimentos, as recordações... A nossa mente está tão cheia quanto este balão! E todos os dias andamos constantemente a enchê-lo com pensamentos que, nem sempre, são realistas e que nos deixam ainda mais preocupados... 

 

Nos dias de hoje vejo as pessoas demasiado concentradas no seu quotidiano, nas suas vidas... com os olhos enfiados nos telemóveis, na publicidade, na televisão. Falta-nos, muitas vezes o convívio, as gargalhadas, os encontros, os abraços! A própria sociedade nos leva a ser consumistas, "convidando-nos" a comprar mais e mais, a vivermos demasiado preocupados com o dinheiro, com os bens materiais...  Infelizmente, a nossa liberdade de escolha é "quase" que condicionada por estes estímulos de informação, de necessidade de procura por bens materiais, que intencionalmente ou não, nós achamos que nos irão trazer felicidade... 

 

A liberdade é um direito nosso, que nos pode levar à felicidade! Quando os pensamentos te atormentam, não os leves tão a sério, liberta-te deles! Não penses demasiado no dinheiro, nas opiniões dos outros, nas influências externas... Pensa em ti, apenas em ti, no que te irá fazer feliz e liberta-te! Abre aquele balão de ar e deixa ir... Deixa ir quem não te faz bem, o que não te faz feliz, o que te impede de seguir o teu caminho! A Liberdade é isto! ♥

 

A Liberdade está em ti!

♥ 

A Liberdade é não ter medo!

 ♥ 

A Liberdade é o oxigénio da alma! 

 ♥ 

Encontra-te

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#3 Desafio palavras [quase] perfeitas » Melancolia

Hoje é a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. No mês de Janeiro a palavra foi "Acreditar", em Fevereiro surgiu a palavra "Magia". Em Março a palavra é Melancolia! 

 

sorri

 

Quando penso na palavra melancolia só penso em lembrança e nostalgia! Vêm-me à memória o passado, as pessoas com as quais tive o prazer de me cruzar e outros tantos momentos que nunca irei esquecer... 

 

Começo a acreditar um pouco no destino, as pessoas que se cruzam no nosso caminho não é por acaso que chegam e também não é por acaso que saem da minha vida... E é aqui que entra o meu estado melancólico, recordo com saudade uma grande parte do meu passado, da minha infância, da minha adolescência, até do meu casamento que entretanto terminou... Da maioria das pessoas ficou a amizade, não que fale com elas todos os dias, mas deixaram em mim um marca, evolui com estas amizades e com estes amores! Cada pessoa deixou em mim, um pedacinho dela e é com muito gosto que guardo apenas o lado bom destas pessoas!

 

A recordação para mim tem uma ligação à melancolia, porque sei que os momentos do passado não voltaram, mas ao mesmo tempo dá-me coragem para enfretar os novos desafios que o futuro me reserva. Acredito que o meu positivismo só atrai para a minha vida o melhor, quer sejam pessoas ou momentos, por isso, se vierem praticar o bem, façam o favor de entrar na minha vida ♥ 

 

Sê a energia que queres atrair! ♥

 

#melancolia ♥ #recordação ♥ #omelhordemim

 

#desafioaspalavrasquaseperfeitas

 

 

 

 

 

 

 

Parabéns a nós

Parabéns a todas as Mulheres! 

Hoje aceitei o desafio do grupo vidas [quase] perfeitas do Facebook, em escolher uma música dedicada às Mulheres para este dia só nosso. Acordei com esta música "Oh, Pretty Woman"! Porque no fundo todas temos a nossa beleza natural, somos mulheres, filhas, mães   somos as eternas lutadoras!

 

 

 

P.S. Um especial e grande abraço a todas as mulheres que fazem parte deste grupo.

 

 

#2 Desafio palavras [quase] perfeitas » E tu acreditas em magia?

Hoje é a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. No mês de Janeiro a palavra foi "Acreditar", este mês a palavra é "Magia". 

 

 

magia

 

 

Sabes quando no inverno vais até à beira mar, ouves o som do mar e sentes ao de leve os pingos de água na tua face?

Sabes quando vês aquela pessoa que tanto gostas e parece que se formam borboletas que vão subindo do teu estômago até à tua garganta?

Sabes quando ouves aquela música preferida e te recordas de alguém especial e sentes um arrepio inexplicável?

Sabes quando encontras algo em casa que te faz lembrar algum momento especial e ficas a viajar no tempo?

Sabes quando revês aquelas fotografias antigas e te lembras dos momentos que já passaram e não voltam?

....

 

São momentos que geram em mim sentimentos que não se conseguem explicar e fazem parte da magia da vida. Vou ao encontro deles sempre que a energia me falta, e acredito que a energia que recebo é uma dádiva do universo, que nem sempre conseguo extrair a meu favor. 

 

É o vento que corre numa noite quente de verão, é o cheiro da terra molhada, é o toque da areia do mar molhada nos pés, é a energia dos raios de sol... É o sorriso de alguém especial para ti, é o som daquela tua música preferida...

 

Eu acredito na magia dos pequenos promenores, acredito na paz que eles me transmitem e na mensagem que trazem, porque se eu não acreditasse que a vida me consegue sorrir mesmo nos piores momentos, nunca encontraria a magia que ela me esconde.  

 

 

 

 

#1 Desafio palavras [quase] perfeitas

Foi através da querida Chic'Ana que fiquei a conhecer este desafio. O desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. Tal como é descrito, a ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. Este mês a palavra é "Acreditar". 

 

Decidi aceitar este desafio porque gosto de desafios que me fazem refletir e que me inspiram. Fiquei agradavelmente surpreendida pelas palavras desta autora :) Obrigada pela inspiração!

 

Nem sempre fui uma crente incondicionável de mim mesma. Felizmente tive desafios na vida que nunca pensei ter força para os ultrapassar.... Quando era confrontada com algo desconhecido o meu primeiro pensamento era "E agora? Não vou conseguir...!". Esta frase tinha em mim mais poder e força que eu alguma vez poderia imaginar... E chorava, chorava muito (e ainda hoje choro, sou uma chorona), mas parecia que aquele lago de lágrimas e aperto no coração, me mostrava que estava no extremo dos meus limites e que a barreira para os ultrapassar me assustava. E houve um dia que arrisquei...

 

Na altura estava na faculdade, não percebia nada do que me era explicado nas aulas, sentia-me fraca, desmotivada, a minha vida pessoal também não era aquilo que eu achava melhor para mim. Os exames só vinham constatar aquilo que eu tanto temia, perder o ano na faculdade :( e a verdade é que perdi, perdi um ano ali... Lembro-me das palavras do meu pai "Tenta mais uma vez!". Estas palavras fizeram-me refletir, o meu pai acreditava em mim, porque é que eu não haveria de acreditar em mim própria? Peguei em livros, apontamentos, muni-me de todos os recursos à minha volta, enfiei-me na biblioteca, no quarto, na sala e estudei, estudei, estudei... E consegui! 

 

Nos dias de hoje, consigo ser recetiva às minhas falhas, porque vejo nelas a minha evolução enquanto pessoa. Agora já não penso "E agora? Não vou conseguir...!", agora penso "Segue Liliana, tu nunca foste uma desistente, tu consegues!". Procuro dar o melhor de mim em tudo, e quando não o faço, também não fico desapontada comigo mesma. Vejo e revejo tudo os meus atos, no sentido de perceber o que me fez reagir assim. Como sei que sou impulsiva, tenho cuidados redobrados, mas também este defeito/qualidade já me veio mostrar que não adianta ter a mente cheia de palavras e não as soltar, não exprimir sentimentos, não ser sincera e natural. Sou eu mesma e tenho muito orgulho em mim!

 

Believe.png

 

 

 

 

 

 

Sente o que te rodeia

Desafio Mindfulness (1).png

Recentemente comecei a fazer meditação, iniciei com 2/3 minutos diários ao acordar. Confesso que tem sido um enorme desafio, porque o meu poder de concentração ainda não está dominado, os pensamentos fluem e quando dou por mim já estou a pensar no que vou fazer a seguir. Esforço-me muito para estar focada e concentrada na minha respiração e este processo requer uma enorme autodisciplina.

Juntamente com a meditação comecei também a incutir em mim o conceito mindfulness, através de pequenos desafios diários, mas que requerem uma extrema auto-disciplina, sacrificio e dedicação!

  • Procuro escrever todos os dias, assim que acordo, uma coisa nova pela qual me sinto grata. Para isso tenho junto da minha cabeceira uma caneta e um caderno;
  • Começo todos os dias a meditar. Inicialmente comecei com 2/3 minutos, mas tenho procurado aumentar gradualmente o tempo de meditação;
  • Procuro fazer uma atividade física todos os dias durante 15 minutos. Quando não tenho tempo para ir ao ginásio, pratico em casa umas posições de ioga e relaxamento;
  • Escrevo todos os dias uma lista e procuro completar cada item dessa lista. A verdade é que isto tem tido um enorme resultado em mim, porque tenho a tendência para fazer muita coisa ao mesmo tempo, e com as listas e criando prioridades tudo se torna mais fácil;
  • Ao deitar, pego novamente no meu caderno e debito tudo aquilo que penso... É uma forma de me auto-conhecer, de me pôr a refletir sobre os meus atos. Fico mais atenta a mim própria e esse facto tem-se tornado deveras revelador.  

Bem sei que o nosso dia-a-dia é tão cheio que é dificil encontrar tempo para tudo isto... Mas acreditem que valem muito estas pequenas ações e fazem toda a diferença, tornam-nos pessoas mais calmas e serenas. 

Espero que isto vos inspire... 

 

 

A Autora

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D