Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Silver Wing

The Silver Wing

nunca perdemos ou ganhamos ou aprendemos

nunca perdemos ou ganhamos ou aprendemos

Esta foi a frase que durante esta semana ficámos de refletir no grupo do facebook | vidas [quase] perfeitas . Para quem não sabe, trata-se de um espaço dedicado apenas a mulheres que querem voltar a sonhar e para aquelas que querem realizar os seus objectivos mas que, às vezes, precisam de uma palavrinha de motivação. A missão deste grupo é inspirar, partilhar e conviver neste que, pretende ser, o oásis nos desertos que, às vezes, cruzam as nossas vidas. Eu integrei neste grupo no decorrer do ano de 2016 e fui convidada para participar em algumas publicações diárias como contribuidora. Este espaço foi crescendo e fomos realizando algumas atividades de reflexão e partilha, e já faz parte da minha rotina diária. Recentemente o espaço foi sofrendo algumas mudanças de forma a adaptar-se melhor às mulheres que dele fazem parte :)  Se és mulher e queres fazer parte deste grupo, pede para aderir, teremos muito gosto em te receber :) 

 

Voltando à frase, pessoalmente vejo e revejo-me nela... Não consigo quantificar o número de vezes que já vi portas que se fecharam para mim... e felizmente! Digo "felizmente" porque aprendi muito com tudo isto, tornei-me mais selectiva, mais organizada, mais focada,... e cá continuo o meu caminho. Não seria suficientemente sincera se dissesse que não fiquei incomodada, desconfortável e triste, porque na verdade fiquei e muitas vezes até revoltada com algumas situações injustas. 

 

Na verdade, a vida é cheia de lições, boas ou más, cabe a cada um de nós tirar o melhor partido delas... e como fazer isso? Dando apenas valor ao que é realmente importante para nós... 

 

 

O consumo, consome-te!

Ice Cream Party

Recentemente li esta frase que me deixou a pensar... Nos dias de hoje as pessoas dão cada vez mais importância aos bens e, às vezes, menos importância às pessoas e às relações. Estamos cada vez mais "entupidos" com publicidade ao consumo de uma forma, diria eu, "forçada" o que faz com que uma boa parte de nós ache que o consumo é uma nova forma de felicidade... 

 

Acredito que hajam pessoas que vivem na ilusão de "uma vida perfeita" e acabam por gastar mais do que aquilo que ganham, o que as pode levar, no extremo, a situações de verdadeiro desespero... 

 

Na verdade, nem sempre conseguimos controlar o facto de ter mais dinheiro, mas de alguma forma podemos tentar controlar os nossos gastos... A ideia de ter que trabalhar mais para ganhar mais, está quase sempre subjacente à ideia de não ter tempo para nada, nem para o mais importante.  

 

Este pensamento leva-me à palavra que está agora na moda - O Minimalismo!

 

Mas afinal, o que é ser minimalista? 

No meu ponto de vida, ser minimalista está para além de uma forma de viver, é uma forma de libertação! Libertar de tudo o que é um excesso, com o objetivo de ganhar mais tempo para nós, focar no essencialmente importante!

 

Mas ser minimalista é fácil? 

Na minha opinião, não! O primeiro passo é tentar mudar a nossa forma de pensar, tomando decisões que sejam conscientes. É necessário efetuar um levantamento de tudo o que não é essencial, procurar fazer um consumo mais consciente, saber questionar, incutir a ideia "Trabalhar para enriquecimento pessoal e não para enriquecimento financeiro". 

 

Na realidade, parece fácil mas não é... É importante o foco no investimento na identidade de cada um de nós e dar menos valor aos objetos que temos em nosso redor, reduzindo o stress ligado à perda ou ao desapego, mantendo o que já se possui.

 

E tu, és minimalista ou nem tanto?  

 

 

A Autora

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Grupo Facebook | vidas [quase] perfeitas

Instagram @thesilverwingblog

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D