Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Silver Wing

She flies with her own wings...

#8 Desafio palavras [quase] perfeitas » Saudade

Hoje, última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. A palavra do mês de Julho foi Solidão.

 

 

roman-kraft-60298

 Foto de Roman Kraft via Unsplash

 

É tão difícil perder alguém que nos é querido... É tão difícil pensar no passado e nos lembrarmos dessa pessoa... É tão difícil saber que podia ainda estar aqui, mas não está! 

 

Estas palavras vou dedicá-las a ti, meu querido avô.

 

Foste cedo demais e nem tiveste tempo para me ver crescer. Nos teus olhos via a alegria que sentias em me teres como tua neta e os abraços que me davas eram tão apertados, que eu mal conseguia respirar, mas sabiam tão bem!... Hoje parece que ainda sinto o teu cheiro e já lá vão mais de vinte anos! Muitas das características pessoais minhas são tão semelhantes a ti, revejo-me no teu olhar e no teu sorriso, na tua boa disposição e alegria constante. 

 

Todos os dias tu estás presente em mim, apesar de não teres tido a oportunidade de me acompanhares e eu não ter tido a oportunidade de te conhecer melhor, aprender contigo, conviver contigo, brincar contigo... mas principalmente ESTAR contigo! 

 

Sabes, hoje sinto-me em paz! Eu sei que, onde quer que estejas, tu sabes isso... Sabes, sinto-me feliz por ter tido um avô como tu, porque foste e sempre serás uma pessoa muito especial para mim. A doença levo-te para bem longe de todos nós, mas a tua essência e alegria contagiante fará sempre parte dos meus dias! 

 

 

Sinto saudades tuas... Se me lembro se ti? Todos os dias... Que estejas em paz avô! 

 

 

 

 

 

 

 

 

às sexta #8 - Reflexão sobre a nova era dos blogues

 
 

blogues

 

 
Desde sempre fui uma pessoa muito reservada e observadora. Na minha cabeça fui formando as minhas opiniões, os meus ideais, as minhas crenças, como qualquer outra pessoa normal. Nunca fui uma pessoa muito ambiciosa, mas também nunca deixei de procurar novas soluções, novas ideias. A verdade é que curiosidade não me falta e talvez por isso também entrei neste mundo dos blogues porque gostar de conhecer novas pessoas e outras opiniões. 
 
Infelizmente, nos dias de hoje, deparo-me com tantas situações de falta de bom senso, de falta de respeito, de falta de educação na comunidade dos blogues, que equaciono se muitas vezes deveria dar a minha opinião, responder a determinadas reações. Acho que cada vez mais vivemos num Mundo de aparências, de vícios, de consumo, não consigo compreender como é que passa ao lado o essencial da vida... 
 
Desabafos à parte e porque um blogue também deve servir para estas coisas, diariamente também questiono a veracidade de alguns blogues, de algumas opiniões, aqueles que vivem para as marcas, aqueles que se alimentam de parcerias... Onde está a verdadeira opinião das pessoas? Vivemos de opiniões compradas, vivemos de imagens que iludem, vivemos num mundo de aparências?
 
Na minha opinião julgo que falta um pouco de regulamentação nesta área do "marketing de blogues", talvez um pouco de bom senso também... Das pesquisas que faço para encontrar blogues com os quais me identifique, vejo muitas vezes expresso em alguns a vontade que cada autor(a) tem tentar conseguir tirar o maior proveito financeiro... Vivemos na era das imagens bonitas e super trabalhadas, do consumismo exagerado (no meu ponto de vista), das cópias e da falta de originalidade.
 
Na verdade, tudo isto me poderia passar ao lado, bastava ignorar, bastava não ler, bastava não visitar! A minha pesquisa fica, às vezes, enriquecida quando encontro blogues aos quais eu chamo "os verdadeiros blogues", aqueles em que as pessoas mostram a sua autenticidade e que dá vontade visitar estes espaços de opiniões e reflexões sinceras. 
 
 
 
 
 
 
 
 

#7 Desafio palavras [quase] perfeitas » Solidão

Hoje, última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. A palavra do mês de Junho foi Resilência 

 

 

jeremy-wong-298986

imagem Jeremy Wong em Unsplash

 

 

Não, não tenho medo de um dia ficar sozinha, confesso que não... tenho medo de um dia, por alguma infelicidade da vida, não conseguir acompanhar a velhice dos meus pais e deixá-los sozinhos, sem apoio, sem ajuda... tenho receio de não conseguir ajudá-los, de lhes dar um abraço e reconfrontá-los nos meus braços, como quem diz baixinho "Estou aqui, agora quem cuida de ti, sou eu!". Tenho medo de não ter rendimentos suficientes para os ajudar a ter uns dias melhores, a manterem a qualidade de vida que merecem... Ser filha única, é ter esta carga nos ombros, é pensar nisto algumas vezes e sentir o coração pequenino.  

 

Nunca tive medo de estar sozinha, apesar de não me agradar a ideia, não vejo isto de uma forma negativa. Estou convicta que encontrarei formas de me manter ocupada e passar os meus dias de um modo mais calmo e refletivo. Não vejo a solidão em mim, mas sinto muito a solidão das pessoas das pessoas que amo. ♥ 

 

A solidão está na nossa mente, bem dentro de nós, no nosso estado de espírito. Podes estar rodeada(o) de pessoas, mas sentires-te sozinho ao mesmo tempo. Podes estar no meio de uma multidão e não conseguires absorver as energias que te rodeiam. Como podes estar realmente sozinho e não te sentires só, porque haverão sempre mil e uma formas de interagir com o que te rodeia e viveres feliz à tua maneira ♥ 

 

 

 

Procura não estar rodeado de pessoas erradas

Esta sim, é a pior solidão!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#5 Desafio palavras [quase] perfeitas » Esperança

Ontem foi a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra.A palavra do mês de Maio foi Esperança. 

 

A vida acabará por te mostrar o teu caminho...

 

Dizem que a esperança é sempre a última que morrer... há dias que vale a pena pensar que sim, mas há outros dias que mais vale ser realista, e conseguir ver que a esperança só faz sentido quando nos coloca no caminho certo.

 

Quantas vezes já passámos por situações que nos colocam no nosso limite? Quantas vezes já desistimos de algo que nos vai fazer feliz? Quantas vezes deixámos de acreditar em nós? Quantas vezes já perdemos a nossa esperança? E quantas vezes já deveríamos ter deixado a esperança de lado e partir para outro caminho? Estas são questões que me coloco a mim mesma sempre que a vida decide me colocar desafios, e cujas respostas não são imediatas, podem demorar segundos, como anos... O que hoje pode ser uma esperança para mim, amanhã poderá não fazer qualquer sentido. É a vida a mostrar-me que tenho de ser suficientemente forte e ágil para me adaptar as estas adversidades. É a vida a mostrar-me que o caminho é outro e que a minha perspetiva terá mesmo que mudar. 

 

Para mim a esperança só acabará apenas quando o tempo chegar ao fim, quando a vida terminar! Até lá, vou cair muitas vezes, vou-me levantar cada vez mais forte, mas seguirei sempre em frente. Vai haver muitos dias que nem terei força para pensar sequer em ter qualquer esperança, como haverá muitos outros dias que agarrar-me-ei a tudo o que me dê força e energia... A incerteza da vida é que vai guiando o meu caminho! E que sempre assim seja...  

 

 

Agarra a vida, pois esta é a única que tens!

#esperança

 

A melodia

A música

 

 

Quando as palavras faltam, os pensamentos vão e vêm, a cegueira que rodeia e bloqueia a minha mente e que se torna cada vez mais persistente... sento-me, escolho aquela música que me faz sentir calma, respiro, oiço cada tom com o coração e com a alma procuro encontrar em mim as respostas... Demoro o tempo que tiver que demorar, é um tempo só meu e que me faz sentir diferente, começo então a acreditar que tudo o que me rodeia apenas depende de mim e da importância que lhe dou, começo a aceitar o meu dia-a-dia, a minha forma de ver a vida... começo a acreditar que vale a pena! 

 

 

 

 A minha vida

A minha melodia

As minhas regras...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Atitude

Abraça-me

 

Quando a vida decide te mostrar que o caminho pelo qual queres seguir não é o melhor para ti e tu ficas quieto(a) no teu canto a pensar "E agora?" ... Bom agora, tu apenas tens aquela opção de mudar de direção, mudar os teus sentidos para o que é mais correto para ti, focar a tua atenção no que realmente é importante para ti! E seguir o que o teu coração te diz... é difícil, eu sei...

 

Por isso, arrisca! Queres passar o resto da tua vida a pensar que deixaste perder esta oportunidade? Diz o que pensas, rodeia-te apenas de quem gostas e abraça quem queres ter por perto... A vida é uma passagem! Pouco ou nada importa os tombos que já deste, o que já perdeste, os erros que já cometeste, importa o que já viveste e o que já aprendeste, tudo o resto faz parte de um passado que já não volta... 

 

Mantém-te paciente durante a tua jornada

#atuaatitude

 

 

 

 

Fixa

18320766_960787990691601_6781362104489579168_o

imagem daqui 

 

 

Descobri esta imagem por mero acaso enquanto navegava pelo Facebook. Achei curiosa a forma artística com que este artista de stencil retrata o modo de como fixar o muro... E pensei um pouco na vida, que também por vezes é isto, tentamos fixá-la da melhor forma que conseguimos com tudo o que conseguimos agarrar, com todas as nossas forças, com as palavras amigas, com a energia que muitas vezes nem sabemos de onde é que esta surge. Depois, resta-nos esperar que a vida siga o seu percurso normal, que nos mostre o caminho, que nos deixe ser nós próprios... que nos deixe viver! 

 

#fixaocoracao #segueoteucaminho

 

"Sê corajoso o suficiente para conseguires ouvir o teu coração!"

 

 

 

A cegueira dos dias de hoje...

14485178_1257781460907701_2083350013266022232_n

 imagem daqui 

 

Quando li "O Principezinho" estava longe de perceber o verdadeiro significado desta frase "O essencial é invisível aos nossos olhos"... Hoje em dia, ainda não estando totalmente ciente do verdadeiro significado desta frase, consigo perceber que o importante nas nossas vidas, não são de todo os bens materiais... Ainda recentemente numa conversa de circunstância, alguém me dizia que o que queria mesmo era ganhar o euromilhões! E eu respondi-lhe "O dinheiro não resolve tudo...! O dinheiro não te traz a felicidade...! O dinheiro apenas te pode dar, até um determinado nível, algum conforto...!". A conversa terminou, mas eu ainda fiquei a pensar no que disse e na quantidade de vezes que oiço as pessoas a queixarem-se de falta de dinheiro...

 

Esta busca incansável das pessoas pelo dinheiro, acaba por cegá-las... Vivemos num Mundo repleto de aparências, onde todos têm uma vida "perfeita" nas redes sociais! Mas e o mundo real? E o contacto visual? E os abraços aos amigos reais? 

 

Não há dinheiro que me pague ver o sorriso do meu pai todos os dias, sentir o pêlo dos meus cães, ser recebida todos os dias por lambidelas, ouvir a voz da minha mãe, as gargalhadas da minha avó, as brincadeiras dos meus colegas de trabalho, as divertidas aulas de Zumba,...  Não vou negar que é o dinheiro que recebo do meu trabalho me permite viver uma vida mais ou menos confortável, mas este nível de satisfação/conforto é apenas um patamar, se ganhasse mais não sei se seria mais feliz por ter um carro novo ou uma nova decoração na casa :) Não sou "cega" a esse ponto... E espero nunca ser contaminada por este "Mundo de Aparências"!

 

Que os teus desejos nunca ceguem a tua mente

♥ 

 

 

 

 

 

#4 Desafio palavras [quase] perfeitas » Liberdade

Hoje é a última quarta-feira do mês e como tal venho responder ao desafio foi lançado pelo blogue "a vida não tem de ser perfeita" ♥ (http://avidanaotemdeserperfeita.blogspot.com), da autora Cris Loureiro. A ideia é publicar um post, na última quarta-feira de cada mês, sobre uma palavra. No mês de Janeiro a palavra foi "Acreditar", em Fevereiro surgiu a palavra "Magia",  em Março Melancolia. Abril, surge a palavra Liberdade ♥

 

hipster-mum-102826

imagem Unsplash

 

 

Estás a ver este balão? Imagina tudo aquilo que tens em mente guardado dentro daquele balão... as preocupações, os sentimentos, as recordações... A nossa mente está tão cheia quanto este balão! E todos os dias andamos constantemente a enchê-lo com pensamentos que, nem sempre, são realistas e que nos deixam ainda mais preocupados... 

 

Nos dias de hoje vejo as pessoas demasiado concentradas no seu quotidiano, nas suas vidas... com os olhos enfiados nos telemóveis, na publicidade, na televisão. Falta-nos, muitas vezes o convívio, as gargalhadas, os encontros, os abraços! A própria sociedade nos leva a ser consumistas, "convidando-nos" a comprar mais e mais, a vivermos demasiado preocupados com o dinheiro, com os bens materiais...  Infelizmente, a nossa liberdade de escolha é "quase" que condicionada por estes estímulos de informação, de necessidade de procura por bens materiais, que intencionalmente ou não, nós achamos que nos irão trazer felicidade... 

 

A liberdade é um direito nosso, que nos pode levar à felicidade! Quando os pensamentos te atormentam, não os leves tão a sério, liberta-te deles! Não penses demasiado no dinheiro, nas opiniões dos outros, nas influências externas... Pensa em ti, apenas em ti, no que te irá fazer feliz e liberta-te! Abre aquele balão de ar e deixa ir... Deixa ir quem não te faz bem, o que não te faz feliz, o que te impede de seguir o teu caminho! A Liberdade é isto! ♥

 

A Liberdade está em ti!

♥ 

A Liberdade é não ter medo!

 ♥ 

A Liberdade é o oxigénio da alma! 

 ♥ 

Encontra-te

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixa ir ♥

wings

 

 

 

És tu quem define o teu sentido da vida... És tu quem escolhe as pessoas que caminham ao teu lado... És tu quem alinha a própria ambição... És tu que aprovas os teus próprios planos e tens o poder de os alterar sempre que assim o necessites... Não fiques parado(a) à espera que os teus objetivos sejam alcançados! Queres ter uma vida melhor, procura novos desafios, sai fora da tua zona de conforto! Queres ter mais vida pessoal, então dedica mais tempo a ti, à tua família, aos teus amigos(as), a quem te faz bem! 

 

Para que serve teres tua liberdade para viver mais e melhor, se não aproveitas as oportunidades que a vida te dá? Vira as costas ao passado, vive o presente! Vive o hoje, o agora! Usa o teu potencial, a tua energia, a tua sabedoria, o teu ego... Usa o melhor que tens em ti  ♥ E voa, voa alto, sente o vento no teu rosto, observa o teu redor ♥ Cada dia é um desafio, não deixes que as oportunidades te passem ao lado! 

 

 

O que não te desafia, não irá fazer-te mudar 

 

 

 

 

 

 

 

A Autora

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D